Busonid Bula – Para Que Serve? Engorda? Efeitos Colaterais? Genéricos!

Problemas respiratórios são cada vez mais frequentes em nossas vidas. Com o aumento exponencial da poluição, nosso sistema respiratório se prejudica mais, apresentando cada vez mais doenças. Busonid é um dos medicamentos que existem para combater algumas dessas doenças.

Para que serve  o Busonid

O medicamento Busonid é indicado e utilizado como tratamento crônico e no alívio dos sintomas de rinites alérgicas, rinites não alérgicas e da polipose nasal, que é quando há tecidos aumentados que se desenvolvem no revestimento interno do nariz.

Por boa parte da população ter esses problemas de saúde (e ainda serem doenças que estão sempre se expandindo), Busonid passou a ser um dos medicamentos mais procurados por pessoas que sofrem dessas doenças nas vias respiratórios.

Como funciona o Busonid

O Busonid possui em sua fórmula a componente budesonida, que é um glicocorticoide que tem propriedades antiinflamatórias e endócrino-metabólicas. Nesta forma farmacêutica, ela possui funciona como atividade anti-inflamatória local e o início de sua ação começar a ocorrer cerca de 10 a 24 horas após sua administração, sendo que sua maior atividade ocorre entre um dia a 2 semanas.


O remédio Busonid age no local e inibe a ação dos glóbulos brancos que ocorre nas paredes dos vasos sanguíneos, logo no início da inflamação e, consequentemente, faz a inibição da migração celular para o local de inflamação. Além disso, Busonid reverte a dilatação e aumenta a permeabilidade dos vasos sanguíneos locais, o que leva à redução do acesso celular ao local inflamado. Tal ação faz com que haja redução do inchaço e o desconforto local. Ou seja, na prática, ela diminui a obstrução nasal.

Busonid rinite sintomas

Composição do Busonid

A composição de Busonid, em suas duas apresentações, é a seguinte:

Em cada mL de Busonid 50 mcg/dose, há 1,0 mg de budesonida. Além disso, seus excipientes são celulose microcristalina, glicose, carmelose sódica, polissorbato 20, água purificada, edetato dissódico de cálcio dihidratado e ácido clorídrico.

Já no Busonid 100 mcg/dose, cada mL possui 2.0 de budesonida e seus excipientes são: celulose microcristalina, glicose, carmelose sódica, polissorbato 20, água purificada, edetato dissódico de cálcio dihidratado e ácido clorídrico.

Como usar o Busonid

Busonid vem acompanhado de um dispositivo de inalação que é composto por uma tripla barreira de fios de prata ativa que, por sua vez, permite a ausência de conservantes em sua composição e mantém a integridade do produto sem risco de contaminação.

Para usar, movimente de maneira suave o frasco por três vezes, pois assim irá misturar o produto. Como é um tratamento preventivo e de uso diário, é necessário seguir à risca as recomendações:

Busonid rinite

Precauções e recomendações

  1. Antes do uso, assoe o nariz a fim de limpar bem as narinas.
  2. Como dito antes, movimente suavemente o frasco três vezes, misturando o produto.
  3. Depois retire a tampa protetora.
  4. Então segure o aplicador e o mantenha em pé.
  5. Caso esteja utilizando Busonid pela primeira vez (ou então após um período de interrupção superior a três dias), pressione a válvula – longe do rosto – até liberar uma fina névoa.
  6. Incline, levemente, a cabeça para frente.
  7. Mantenha sempre o frasco em pé e então pressione uma das narinas com o dedo indicador e na outra coloque a ponta do aplicador e só então pressione a válvula do spray a quantidade de vezes sugerida pelo médico.
  8. Na outra narina, faça novamente todo o procedimento descrito no item 7 e respire fundo.
  9. Após fazer o uso, limpe o aplicador com um lenço de papel seco e então recoloque sua tampa protetora.
  10. Importante ressaltar que a válvula de Busonid não é removível e que o medicamento já vem pronto para o uso. Então não perfure e nem introduza objetos pontiagudos no aplicador, pois irá danificá-lo e contaminá-lo.

Posologia

Em relação a sua posologia, no tratamento de rinites para adultos e crianças a partir de seis (6) anos:

Suspensão aquosa nasal 50 mcg/dose: duas aplicações em cada narina, duas vezes ao dia ou então quatro aplicações em cada narina no período da manhã (400 mcg/dia).

Em crianças a partir de doze (12) anos e adultos, suspensão aquosa nasal 100 mcg/dose: uma aplicação em cada narina, duas vezes ao dia ou então duas aplicações em cada narina apenas uma vez ao dia (400 mcg/dia);

Já no tratamento e/ou prevenção de pólipos nasais, a dose recomendada é varia entre 200 a 400 mcg, duas vezes ao dia.

Para todos os casos, não ultrapasse a dosagem descrita.

Contraindicação

Busonid não deve ser utilizado por nenhuma pessoa que possua alergia (hipersensibilidade) à budesonida e a qualquer outro componente de sua fórmula. Além disso, ele é contraindicado para pacientes que tenham alergia a outros corticoides.

Busonid é um medicamento contraindicado para crianças menores de 6 anos de vida.

Efeitos colaterais do Busonid

As reações adversas relatadas ao uso de Busomid são:

Muito comum

(acontece em 10% dos pacientes que utilizam busonid): dor de cabeça, náusea, disfonia (alteração da voz), sinusite e infecção do trato respiratório.

Comum

(Acontece entre 1% e 10% dos pacientes que utilizam busonid): síncope (tipo de desmaio), palpitações, hipocalemia (diminuição do potássio no sangue), taquicardia (aumento dos batimentos cardíacos), ganho de peso, candidíase oral (infecção por fungo na boca “sapinho”), dor abdominal, indigestão, vômito, gastroenterite viral (infecção no estômago/intestinos produzida por um vírus), xerostomia (sensação de boca seca), equimose (mancha roxa na pele), candidíase do esôfago, leucocitose (aumento do número de glóbulos brancos no sangue), doença viral, doença infecciosa, artralgia (dor na articulação), astenia (cansaço), mialgia (dor muscular), sonolência, enxaqueca, insônia, catarata (doença nos olhos que prejudica a visão), aumento de pressão ocular, glaucoma (aumento da pressão no interior do olho), otite média, alteração da voz, rinite alérgica, tosse, epistaxe (sangramento nasal), dificuldade na fala, congestão nasal, nasofaringite (inflamação no nariz e faringe), irritação nasal, faringite, febre e rinite.

Rara

(acontece entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam busonid): dermatite, dermatite de contato, irritação, Síndrome de Cushing (síndrome em que ocorre o aumento dos efeitos do cortisol, gerando aumento da pressão arterial, espinhas no rosto, estrias na pele, tendência a manchas roxas no corpo, vasos sanguíneos mais frágeis, entre outros sintomas), urticária (doença alérgica da pele), hipoglicemia (diminuição da taxa de glicose no sangue), hiperglicemia (aumento da taxa de glicose no sangue), alteração na taxa de lipídios (gordura), reação imune de hipersensibilidade, depressão, ansiedade, irritabilidade, psicoses (doença psiquiátrica), problemas de comportamento, irritação da garganta e broncoespasmo (contração anormal dos brônquios).

Além disso, já foram relatados acesso de espirros imediatamente após o uso do spray, aumento da tosse, rouquidão e alteração do paladar, mas não há conhecimento da frequência em que isso ocorre.

Busonid bula

Superdosagem do Busonid

Como há uma baixa atividade sistêmica de BUSONID, a superdosagem não oferece risco de intoxicação, sendo muito improvável, especialmente a intoxicação aguda, não sendo dose-dependente.

De qualquer maneira, a interrupção do tratamento será suficiente para desaparecer com os sintomas de intoxicação. Caso haja alguma circunstância muito especial e aparecerem sintomas de hipercortisolismo (que é um conjunto de sinais e sintomas devido ao excesso do hormônio cortisona no organismo) ou então de insuficiência adrenal (condição onde a produção de hormônio pelas glândulas adrenais se encontra abaixo das necessidades do organismo), é necessário descontinuar gradualmente o uso de Busonid.

Precauções

Caso sofra de catarata, cirrose hepática, glaucoma, contato com viroses como a catapora e sarampo, osteoporose (enfraquecimento dos ossos devido a redução da sua massa), tuberculose ativa ou quiescente, úlcera péptica (ferida no interior do estômago e/ou duodeno) ou infecção grave, avise sue médico.

É necessário tomar cuidado com altas doses de corticosteroides inalatórios, pois podem interferir no controle da diabetes. Além disso, Busonid contém açúcar (glicose).

A terapia com corticosteroides (como Busonid) pode aumentar o risco do desenvolvimento de infecção grave e fatal, especialmente em indivíduos expostos a patologias virais.

Estudos em animais mostram que os corticosteroides podem desenvolver alguns tipos de malformações fetais. Mas não foram confirmadas em estudos controlados com mulheres grávidas. Os potenciais riscos e benefícios precisam ser analisados antes de ser prescrito o tratamento às mulheres grávidas e em período de aleitamento.

Interação com outros remédios

Efeitos de gravidade maior: o uso concomitante de Busonid e bupropiona pode diminuir o limiar para convulsões.

Efeito de gravidade moderada: quando é utilizado concomitantemente à eritromicina. Claritromicina, cetoconazol ou itraconazol, pode ocorrer aumento da concentração do Busonid.

O uso concomitante de Busonid e sargramostim aumenta o efeito produzido na medula óssea.

Efeito de gravidade menor: em conjunto à amiodarona, pode aumentar o risco do desenvolvimento da síndrome de Cushing.

Armazenamento

Busonid deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15 e 30º C) e protegido da luz. Também possui uma validade de 24 meses a contar da data de sua fabricação, que está em sua embalagem. Busonid se apresenta em forma de suspensão homogênea e com a coloração branca.

Busonid engorda

Busonid Preço

Fabricado pelo laboratório Biosintética, é encontrado em Suspensão Aquosa 50 mcg/dose. Onde seu frasco-spray possui uma válvula dosificadora que contém 3 mL (60 doses) e 6 mL (120 doses). Busonid também é encontrado em Suspensão Aquosa 100 mcg/dose. Onde seu frasco-spray também possui uma válvula dosificadora que contém 3 mL (60 doses) e 6 mL (120 doses).

O preço deste medicamento pode variar bastante, de acordo com a farmácia e região. O preço pode ser entre R$ 20 e R$ 50.

Não é necessário a apresentação de receita médica.

Busonid Genérico

Não há genéricos de Busonid, apenas similares. Mas lembre-se que medicamentos similares possuem composição diferentes e podem ocasionar em reações adversas.

Pergunta dos leitores

Busonid engorda?

Uma das reações comuns do Busonid é o aumento de peso. Então é possível engordar fazendo uso deste medicamento. Mas não é todo mundo que irá sofrer com esse problema.

Busonid serve para sinusite?

Não, Busonid serve para o tratamento e prevenção de rinite, rinite alérgica e polipose nasal.