Dramin – Bula, Como Usar, Efeitos Colaterais, Contraindicações

Vômitos podem surgir em diversas situações do dia a dia das pessoas, principalmente pela ingestão de algum alimento estragado, má digestão e movimento causado por viagens de avião ou carro. Um remédio que pode ajudar é o Dramin!

Os enjoos estão bastantes presentes durante a gravidez da mulher, sendo um dos sintomas mais presentes e comuns durante esse período. Felizmente, existem diversos medicamentos para aliviar e tratar esse sintoma com muita efetividade e rapidez.

Entre eles, um remédio que se destaca é o Dramin, e Dramin B6, do laboratório Takeda, comercializado em forma de comprimidos, solução oral e injetável. Com isso, hoje, nesse artigo, estaremos abordando informações essenciais e importantes sobre sua utilização, além de contraindicações, precauções e preço médio para compra.

Para que serve o Dramin

Como falado no texto introdutório, é indicado para o tratamento e prevenção do enjoo, tontura e vômito, até mesmo os resultados de gravidez, de movimentos causados por viagens, de pós-operatório e de pós-radioterapia.


Além disso, o medicamento ajuda contra o aparecimento de quadros de cinetose e no tratamento de labirintites e vertigens.

Vale sempre ressaltar que, mesmo sabendo da indicação de uso do Dramin, nunca é recomendado utilizá-lo por conta própria, sendo sempre necessário a orientação médica para dar início ao tratamento.

Como funciona o Dramin

O princípio ativo do Dramin, a substância dimenidrinato, é um anti-histamínico, porém não se sabe exatamente qual a ação que ele executa no tratamento do enjoo, vômito e tontura, porém muitos afirmam que o princípio ativo faz o bloqueio do centro nos vômitos e das funções que ocorrem no labirinto do cérebro.

Já a vitamina B6, presente somente na formulação do Dramin B6, é essencial para a síntese de substâncias neurotransmissores, que atuam no sistema nervoso central e são responsáveis pela ocorrência de náuseas e vômitos.

A ação do medicamento é de aproximadamente 15 a 30 minutos depois do paciente tomá-lo. Seu efeito dura aproximadamente 4 a 6 horas.

Composição do Dramin

Cada comprimido de Dramin comum contém os seguintes componentes:

  • 100 mg de Dimenidrinato
  • Excipientes: estearato de magnésio, amido, croscarmelose sódica, lactose.

 

Cada comprimido de Dramin B6 contém os seguintes componentes:

  • 50 mg de dimenidrinato
  • 10 mg de cloridrato de piridoxina, a vitamina B6
  • Excipientes: manitol, celulose microcristalina, dióxido de silício, povidona, talco, álcool etílico, água purificada, croscarmelose sódica, óleo vegetal hidrogenado, hipromelose, corante laca vermelho, dióxido de titânio, cera de carnaúba e macrogol.

 

Cada 5 ml de solução oral, que equivalem a 100 gotas, do Dramin comum contém:

  • 12,5 mg de dimenidrinato
  • Excipientes: sacarose, glicerina, metilparabeno, corante vermelho, aroma de morango, água purificada.

 

Cada ml de solução oral, que equivalem a 20 gotas, do Dramin B6 contém:

  • 25 mg de Dimenidrinato
  • 5 mg de cloridrato de piridoxina, a vitamina B6
  • Excipientes: propilenoglicol, sacarina sódica, benzoato de sódio, aroma de Cherry Brandy, corante vermelho Ponceau e água purificada.

 

Cada ml de solução injetável do Dramin B6 DL contém:

  • 3 mg de dimenidrinato
  • 5 mg de cloridrato de piridoxina, a vitamina B6
  • 100 mg de glicose
  • 100 mg de frutose.
  • Excipientes: propilenoglicol, benzoato de sódio, metabissulfito de sódio e água para injetáveis.

Como usar o Dramin (posologia)

Dramin comprimido

A administração deve ser feita via oral.

O comprimido deve ser engolido inteiro, sem ser mastigado ou cortado no meio, com uma quantidade água, quando necessário. As doses devem ser tomadas antes ou durante as principais refeições do dia. Porém, em caso de precaução dos sintomas durante a viagem, a dosagem deve ser administrada em aproximadamente meia hora antes da mesma.

A posologia normalmente recomendada é de:

  • A dose para adolescente e adultos com idade maior do que 12 anos é de um a dois a cada quatro horas. Não pode ultrapassar a dosagem de 8 compridos por dia, pois já será considerado superdosagem.

Dramin gotas

A administração deve ser feita via oral.

Em casos de crianças pequenas, as gotas não devem ser aplicadas diretamente na boca, e sim colocar em uma colher e depois levar a ingestão.

A posologia normalmente recomendada é de:

  • A dose para crianças menores do que 6 anos é do acrescimento de 1 gota por cada um kg da pessoa. A dosagem deve ser tomada de 6 em 6 horas ou de 8 em 8 horas. A dosagem máxima permitida é de 60 gotas diária.
  • A dose para crianças com idade de 6 a  12 anos é do acrescimento de 1 gota por cada um kg da pessoa. A dosagem deve ser tomada de 6 em 6 horas ou de 8 em 8 horas. A dosagem máxima permitida é de 120 gotas diária.
  • A dose para adolescentes e adultos com idade maior do que 12 anos é do acrescimento de 1 gota por cada um kg da pessoa. A dosagem deve ser tomada de 4 em 4 horas ou de 6 em 6 horas. A dosagem máxima permitida é de 320 gotas diária.

Dramin injetável

A aplicação deve ser feita via intravenosa.

Somente o profissional de saúde que deve aplicar a injeção no paciente.

A posologia normalmente recomendada é de:

  • A dose para crianças com idade de 2 a 12 anos é de 1,25 mg de dimenidrinato/kg de peso, diluído em 10 ml de cloreto de sódio de 6 em 6 horas, caso necessário. A dosagem máxima permitida é de 300 mg diária.
  • A dose para adolescentes e adultos com idade maior do que 12 anos é de uma ampola, diluído em 10 ml de cloreto de sódio de 4 em 4 horas ou 6 em 6 horas, caso necessário. A dosagem máxima permitida é de 300 mg diária.

 

O médico especialista deve fazer a orientação final sobre a utilização do medicamento, principalmente sobre a dosagem, horários para administração e duração do tratamento.

Contraindicação do Dramin

Dramin Bula

Como todo o medicamento, o Dramin possuí algumas contraindicações de uso, que devem ser seguidas por todos os pacientes que pretendem dar início a algum tratamento para evitar futuras reações indesejadas. São elas:

  • Pacientes que possuem hipersensibilidade, alergia ou qualquer outro problema que pode ser causado com a ingestão dos componentes na formulação do medicamento.
  • Pacientes que possuem porfiria.
  • Os comprimidos são contraindicados para menores do que 12 anos. A solução oral e injetável para crianças menos do que 2 anos.
  • Pacientes com intolerância à frutose não devem administra a solução injetável do Dramin.

Precauções

Além das contraindicações, abordadas no tópico “Contraindicação do Dramin”, o paciente devem ficar cientes de algumas instruções antes de dar início ao tratamento. As precauções a serem seguidas são:

  • Por poder causar sonolência, os pacientes que estiverem em tratamento com Dramin não devem operar máquinas ou dirigir veículos.
  • Pacientes que possuem insuficiência hepática, asma, glaucoma, enfisema pulmonar, doença pulmonar, problemas na respiração ou dificuldade para urinar só devem utilizar o medicamento sob orientação do médico especialista.
  • Mulheres grávidas ou que estão amamentando devem informar o médico antes de dar início ao tratamento com Dramin.

Efeitos colaterais do Dramin

Apesar de ser bem aceito pelo organismo, o Dramin pode causar alguns efeitos colaterais nos pacientes em tratamento. Os que podem acontecer são:

  • Sedação
  • Sonolência
  • Dor de cabeça
  • Reações cutâneas
  • Alterações visuais
  • Secura na boca
  • Dificuldade para urinar
  • Dificuldade para dormir
  • Tontura
  • Insônia
  • Ficar irritado

Superdosagem do Dramin

Em caso de superdosagem, quando o paciente toma uma quantidade maior do que a permitida do medicamento, os sintomas mais comuns de surgiram são:

  • Sonolência
  • Aumento dos batimentos cardíacos
  • Problemas para respirar
  • Espessamento do escarro
  • Alucinações
  • Convulsão
  • Coma

Os pacientes que tomarem a dose acima do permitido devem buscar ajuda médica com urgência, levando com ele a bula e embalagem original do medicamento.

Interação do Dramin com outros remédios

Os medicamentos e substâncias que não podem ser coadministrados juntos ao Dramin são: bebidas alcoólicas, sedativos, tranquilizantes, antidepressivos do tipo dos inibidores da monoaminoxidase, levodopa, piridoxina, contraceptivos orais, hidralazina, isoniazida, penicilamina.

Sempre informe seu médico se estiver utilizando algum medicamento, antes de dar início ao tratamento.

Armazenamento

Armazene o medicamento em uma região com temperatura ambiente e longe da luz e umidade.

Dramin Preço

O medicamento Dramin comum ou B6 pode ser encontrado sendo comercializado nas principais farmácias populares, sendo necessário a prescrição médica para sua aquisição.

O frasco de 120 ml de solução oral do Dramin comum pode ser encontrado pelo preço variante de R$20 a R$25

A caixa com 40 envelopes de 10 comprimidos do Dramin comum pode ser encontrada pelo preço variante de R$3 a R$6

A caixa com 10 cápsulas do Dramin comum pode ser encontrada pelo preço variante de R$20 a R$25

A caixa com 20 cápsulas do Dramin comum pode ser encontrada pelo preço variante de R$25 a R$40

O frasco de 30 ml de solução oral do Dramin B6 pode ser encontrado pelo preço variante de R$12 a R$15

A caixa com 30 comprimidos do Dramin B6 pode ser encontrada pelo preço variante de R$13 a R$16

Pergunta dos leitores

Dramin da sono?

Uma das possíveis reações adversas que o Dramin pode causar no pacientes em tratamento é a sonolência.

Qual a diferença entre o Dramin e o Dramin B6?

A maior diferença entre ambos é que o Dramin B6 vem com vitamina B6 em sua formulação, com a presença menor de dimenidrinato, aproximadamente 50%, e mais indicado p ara as mulheres grávidas, pois é mais eficiente em evitar náuseas e vômitos durante esse período.