Noripurum – Como Tomar, Efeitos Colaterais, Engorda?

Tanto a falta quanto o excesso de nutrientes, seja qual for, no corpo humano pode causar diversos problemas no organismo. Dos mais simples aos mais graves, as complicações que se apresentam geralmente são causadas por alguma doença e podem acarretam em doenças secundárias ainda mais severas.

Por isso é sempre importante manter uma alimentação sempre balanceada, pois as chances de acontecer algo do gênero diminuem bastante. Entretanto nem sempre isso é garantia de que não ocorram problemas nutricionais. Em algumas situações, há algo por trás dessa diferença que não deveria existir e que só melhora com auxílio de medicamentos. No caso desse texto, vamos falar sobre uma medicação que serve para tratar a anemia, o Noripurum.

Para que serve o Noripurum

Noripurum pode ser administrado de diferentes maneiras, sendo as duas principais em forma de comprimido e injetável. Na injetável, é indicado no tratamento de anemias que são oriundas da falta de ferro no organismo humano.

Já o modo fólico, sendo em comprimidos mastigáveis, pode ser indicado para tratar outras situações, que são: anemias por deficiência de ácido fólico e ferro; anemias ferropênicas graves que acontecem após cirurgias de retirada parcial ou total do estômago, após outras cirurgias, após hemorragias e após o parto; o tratamento e prevenção das anemias da gravidez, do período do pós-parto e do período de amamentação, que são caracterizadas pela diminuição de ácido fólico e ferro; para serem ingeridas antes das cirurgias de pacientes anêmicos; com auxiliar no tratamento da subnutrição e; cloroanemia aquílica, anemia hipocrômica essencial e anemias alimentares tanto de qualidade quanto de quantidade.


Como funciona o Noripurum

Sintomas de anemia

Em todos os casos, o Noripurum atua colocando no o organismo mais ferro. Isso porque o ferro é um elemento essencial para a produção e formação da hemoglobina. Deste modo, é possível afirmar que Noripurum age como antianêmico para tratar anemias por falta de ácido fólico e ferro.

O medicamento é indicado especificamente no tratamento das anemias nutricionais e de hemácias pequenas, que são oriundas da falta de ferro e ácido fólico. O ferro de Noripurum se apresenta na forma de um conjunto de moléculas grandes não iônicas. Por essa razão, Noripurum possui boa absorção e utilização pelo organismo, ausência de interação com certos medicamentos, baixa toxicidade e boa tolerabilidade, preservação do seu volume utilizável, de modo que não haja perdas por causa da eliminação feita pelos rins e pelo depósito no tecido gorduroso.

Composição do Noripurum

A composição de Noripurum injetável e fólico é diferente. No caso da primeira opção, cada ampola de 5 ml contém 100 mg de ferro III, sendo que ele está distribuído na forma de sacarato de hidróxido férrico. Além disso, os excipientes da medicação nesta forma são: hidróxido de sódio e água para injetáveis.

No caso de Noripurum fólico, cada comprimido mastigável possui 100 mg de ferro III (também na forma de ferripolimaltose) e 0,35 mg de ácido fólico. Os excipientes deste medicamento são ciclamato de sódio, talco, vanilina, macrogol, manitol, aroma de chocolate, cacau, povidona e celulose microcristalina.

Como usar o Noripurum

Em todos os casos, há uma posologia média indicada. Entretanto a posologia pode variar de uma pessoa para outra, de acordo com a necessidade do medicamento.

Noripurum Comprimido mastigável

A posologia diária de Noripurum pode ser administrada de uma vez só ou ser dividida durante o dia, sendo que em todos os casos o comprimido mastigável deve ser administrado imediatamente após ou durante as refeições. Apesar disso, a quantidade da dose varia de acordo com a deficiência de ferro dos pacientes.

Em uso pediátrico, a dose diária deve ser calculada de acordo com a gravidade do caso e no peso do paciente, sendo que o ideal é entre 2,5 mg a 5,0 mg por quilo. Em deficiência de ferro em adultos e adolescentes, deve ser ingerido um comprimido mastigável entre duas e três vezes por dia até normalizar os valores da hemoglobina. Após isso, a terapia segue com apenas um comprimido mastigável por dia

No caso de deficiência de ferro latente e na prevenção de deficiência de ácido fólico e ferro, deve ser aplicada a seguinte dose: meio comprimido para crianças de 1 a 5 anos e um comprimido para crianças de 5 a 12 anos.

Noripurum xarope

Cada 10 ml do xarope representa 100 mg de ferro elementar. Para tratar deficiência de ferro manifesta é sugerido uma dose entre 2,5 a 5 ml por dia. Mas pode varias de acordo com a necessidade.Em crianças de 1 a 12 anos que possuem deficiência de ferro manifesta, a dose varia de 5 ml a 10 ml de xarope, enquanto em maiores de 12 anos e lactantes a dose deve ser de 10 ml a 30 ml.

Para crianças de 1 a 12 anos com deficiência de ferro latente, a dose indicada é de 2,5 a 5 ml de xarope, enquanto para mais velhos vai de 5 a 10 ml. Mulheres grávidas que possuem deficiência de ferro manifesta devem ingerir entre 20 e 30 ml de xarope por dia.

Noripurum gotas

Cada um 1 ml (20 gotas) de Noripurum representa 50 mg. A posologia média indicada é a seguinte:

No caso de deficiência de ferro latente (profilaxia da anemia): bebês prematuros devem tomar 1-2 gotas por quilo corporal; crianças de até um ano precisam de 6 a 10 gotas por dia; crianças entre 1 e 12 anos precisam de 10 a 20 gotas por dia; maiores de 12 anos, lactantes e adultos precisam de 20 a 40 gotas diárias e; mulheres grávidas precisam de 40 goras.

No tratamento de anemia, quando há deficiência de ferro manifesta: prematuros precisam de 1 a duas gotas; crianças de até um ano precisam de 10 a 20 gotas por dia; crianças de 1 a 12 anos precisam de 20 a 40 gotas; maiores de 12 anos, adultos e lactantes devem tomar entre 40 e 120 gotas e; mulheres grávidas 80 a 120 gotas.

Noripurum injetável

Noripurum injetável deve ser administrado sempre por via intravenosa, nunca por via intramuscular, porque pode provocar necrose do tecido muscular.

A posologia recomendada em adultos e idosos é de 5 a 10 ml de uma a três vezes por semana. Em crianças, não é recomendado exceder os 0,15 ml por quilo de peso entre uma a três vezes por semana.

A dose máxima tolerada por crianças é de 0,35 ml por quilo de peso uma vez por semana. Em adultos e idosos, uma injeção de 10 ml (200 mg de ferro) que deve ser administrado por no mínimo 10 minutos.

Noripurum engorda?

A verdade é que não há nada na composição de Noripurum que cause aumente de peso ou estimulante de apetite. O que acontece é que a anemia por falta de ferro causa inapetência, então quando o paciente começa a tratar a anemia, seu apetite volta ao normal, ao que era antes de estar doente. Deste jeito, é possível que a pessoa engorde por estar comendo como deveria comer, mas não por comer a mais.

Contraindicação do Noripurum

Noripurum é contraindicado a pessoas portadores de anemias que não sejam oriundas da deficiência de ferro, a pacientes alérgicos aos componentes da fórmula e por pacientes com distúrbios da utilização de ferro ou sobrecarga férrica.

Efeitos colaterais do Noripurum

noripurum

Como dito antes, Noripurum não deve ser utilizado por pacientes que possuem anemias que não sejam oriundas da deficiência de ferro ou por pessoas que sejam alérgicas a qualquer um dos componentes da fórmula.

Para qualquer paciente, há algumas possíveis reações adversas, sendo que a mais comum é a mudança passageira do paladar, que ocorre em 4,5 de cada 100 pacientes. Outras reações, mas mais incomuns, são: dor de cabeça, sensação de queimação, vertigem, sensação de formigamento, tremor, diminuição da sensibilidade, palpitações e taquicardia.

Outras reações muito raras (ocorre em menos de 0,01% dos pacientes), mas apenas no caso de Noripurum fólico, são: dor abdominal, diarreia, prisão de ventre, enjoo, indigestão, dor de estômago e vômitos. Na mesma proporção acontecem algumas reações na pele, como vermelhidão, erupções, urticária ou coceira.

Superdosagem

Em casos de superdose de Noripurum fólico, em gotas ou xarope, não há sintomas ou sinais de intoxicação ou sobrecarga de ferro. O que pode ocorrer são náuseas ou sensação de plenitude gástrica. Nesses casos, deve-se proceder ao esvaziamento gástrico e adotar medidas usuais de apoio.

Além disso, há indícios que doses excessivas de ácido fólico causem alterações no sistema nervoso central, como mudanças no sono, hiperatividade e irritabilidade, Durante o tratamento com Noripurum® Fólico pode ocorrer escurecimento das fezes, o que não tem nenhum significado clínico.assim como náuseas, flatulência e distensão abdominal.

Entretanto no caso de superdosagem de Noripurum injetável, os casos podem ser fatais por causa da intoxicação por ferro endovenoso.

Precauções

A maior precaução é nunca usar Noripurum injetável de forma intramuscular, pois pode levar à falência do músculo. Além disos, é preciso tomar cuidado na administração de Noripurum em pacientes que sofrem com infecções crônicas, alergia, infecções agudas, asma, distúrbios hepáticos ou renais ou eczema.

Em caso de uso por pacientes com bacteriemia, o recomendado é que a administração do medicamento seja interrompida imediatamente.

Interação do Noripurum com outros remédios

Apenas é necessário evitar a ingestão de medicamentos à base de ferro. Isso porque além disso, não há nenhuma restrição quanto ao uso de Noripurum com qualquer alimento, bebida e outros medicamentos.

Noripurum Preço

Noripurum é comercializado pelo laboratório Takeda e pode ser encontrado em quatro diferentes formas: solução injetável endovenosa com 20 mg/ml (100 mg/5 ml), onde as embalagens possuem cinco ampolas de 5 ml cada; embalagens com 10 e 30 comprimidos mastigáveis de 100 mg (ferro III) + 0,35 mg (ácido fólico); xarope 10 mg/ml em um frasco de 120 ml que acompanha um copo graduado e; em gotas, num frasco com 15 ml e 30 ml.

Como são diferentes formas, os preços variam bastante. Para os comprimidos fólicos, o preço médio é de R$ 50,00. Para a solução em gotas, o preço varia de R$ 25 a R$ 30. No caso do xarope, o medicamento pode ser encontrado entre R$ 18 e R$ 25. Já Noripurum injetável sai por uma média de R$ 60.

É necessária a apresentação de receita branca comum para comprar Noripurum.

Noripurum Genérico

Infelizmente não há nenhuma marca e laboratório fabricando o genérico de Noripurum. Existem medicamentos similares, mas lembre-se que esses podem possuir resultados semelhantes, não os mesmos e que os efeitos colaterais podem ser diferentes.

Evite o semelhante sempre que possível.