Propionato de Clobetasol – Para que serve? Como Usar? Contraindicações

Propionato de Clobetasol é um medicamento em creme, para o uso tópico, que trata diversas doenças dermatológicas.

A medicação está indicada para o uso adulto, idosos, ou por crianças acima de 1 ano de idade.

Para que serve a pomada Propionato de Clobetasol

A pomada propionato de clobetasol trata-se de um corticosteroide bastante potente, que pode ser está indicado para adultos, idosos e crianças com mais de 1 ano de idade.

É recomendado indicado para o alívio de dores ocasionadas por processos de inflamação, dermatites responsivas a esteroides e processos pruriginosos. Isso inclui o tratamento de problemas inflamatórios dermatológicos. Problemas esses como a psoríase, com exceção para quadros onde as lesões estejam muito espalhadas pelo corpo do paciente.


Propionato de Clobetasol ainda está indicado para o tratamento de líquen plano, eczemas recalcitrantes e lúpus eritematoso discoide. Também é eficaz para tratar outros problemas de pele que são resistentes ao uso de medicações esteroides menos eficazes para esses casos.

Como funciona o Propionato de Clobetasol

O propionato de clobetasol trata-se de um medicamento que diminui os incômodos dos processos de inflamação ocasionados por algumas doenças de pele. Entre essas doenças estão, por exemplo a psoríase e eczemas.

A medicação paz parte de um tipo de medicamento conhecido como esteroides tópicos. Ou seja, deve ser usado diretamente na pele. O Propionato de Clobetasol, como um esteroide tópico, promove a redução da vermelhidão na pele e a coceira. O tempo para os benefícios completos oferecidos pela medicação é de, aproximadamente, uma semana após o começo do tratamento.

Composição do Propionato de Clobetasol

Cada 1 g do creme contém 0,5 mg de Propionato de Clobetasol. Excipientes: álcool benzílico, ácido cítrico, cera emulsificante não iônica, álcool cetoestearílico, monoestearato de dietilenoglicol, citrato de sódio di-hidratado, propilenoglicol, macrogol e água purificada.

Como usar a pomada Propionato de Clobetasol

Como usar propionato de clobetaso

Recomenda-se que a pomada Propionato de Clobetasol seja aplicada sobre a pele de 1 a 2 vezes ao dia. O tratamento, geralmente, tem a duração de 4 semanas ou conforme a melhora do problema. Tais indicações podem ser alteradas de acordo com a indicação médica.

Não deve ser passado nenhum tipo de produto no local, até que o Propionato de Clobetasol seja completamente absorvido.

Caso seja necessário, o controle de exacerbações do problema, Propionato de Clobetasol pode ser usado repetidamente, porém, por curtos períodos.

Lesões mais resistentes, principalmente com a presença de hiperceratose, podem ser tratadas de forma oclusiva. A oclusão deve ser feita usando-se película de polietileno na área tratada. Geralmente, é necessária apenas uma oclusão à noite. No caso de melhoras, a medicação pode ser passada na pele, sem a oclusão.

O problema deve demonstrar melhoras em até 4 semanas. Caso o paciente não melhore, é necessária outra avaliação e/ou diagnóstico do problema.

A não ser a critério do médico, o tratamento com Propionato de Clobetasol não deve ultrapassar o período de 4 semanas. Caso o paciente necessite de tratamento continuo, provavelmente, seu médico indicará uma medicação menos potente para ser usada.

Valer ressaltar que a dose semanal máxima do Propionato de Clobetasol é de 50 g.

Contraindicação do Propionato de Clobetasol

Propionato de Clobetasol está contraindicado para ser usado em infecções cutâneas não tratadas, acne vulgar e rosácea. Também não se indica o uso do medicamento em caso de lesões com prurido com ou sem inflamação, dermatite perioral, prurido genital e perianal e dermatoses em crianças com menos de 1 ano de idade.

Propionato de Clobetasol é contraindicado para crianças com menos de 1 ano de idade.

Efeitos colaterais do Propionato de Clobetasol

Propionato de Clobetasol geralmente é bem tolerado. Porém, como acontece com qualquer outro medicamento, pode trazer efeitos colaterais com o seu uso. Os principais efeitos colaterais são:

  • Reações comuns (o que equivale a > 1/100 e < 1/10): dor, ardor e prurido local da região da pele tratada com a medicação.
  • Reações incomuns (o que equivale a > 1/1.000 e < 1/100): atrofia da pele, aparecimento de estrias e telangiectasias.
  • Reações muito raras (o que equivale a  <10.000): supressão do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HPA), infecções oportunistas, atraso no ganho de peso/retardo do crescimento em crianças,  características Cushingoides (face de lua e obesidade central), glaucoma, osteoporose, catarata, hiperglicemia, aumento de peso e obesidade, hipertensão, alopecia, diminuição dos níveis de cortisol endógeno tricorrexe, irritação e/ou dor no local da aplicação, hipersensibilidade local, rugas na pele, atrofia cutânea, alterações da pigmentação da pele, ressecamento da pele, exacerbação dos sintomas subjacentes, hipertricose, psoríase pustulosa, dermatite de contato alérgica e dermatite, rash, eritema, acne e urticária.

Precauções

Como ocorre todas as medicações, devem ser levadas em consideração algumas precauções em relação ao uso do Propionato de Clobetasol. O medicamento, por exemplo, deve ser usado com cautela em pessoas que apresentem histórico de  hipersensibilidade ao uso de corticosteroides ou a outro qualquer componente da fórmula.

Pode ocorrer sintomas de hipercortisolismo, ou seja, da Síndrome de Cushing. Também pode acontecer a supressão reversível do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HPA), o que leva o paciente a apresentar insuficiência glicocorticoide – em razão do aumento da absorção de esteroides tópicos.

Se algumas das situações ocorrerem, indica-se interromper aos poucos o Propionato de Clobetasoluso da medicação e procurar o médico. O médico, provavelmente, indicará a diminuição da frequência de uso ou substituirá a medicação por outra menos potente. É importante não interromper abruptamente o uso da medicação, pois pode ocorrer insuficiência glicocorticoide.

Há alguns fatores de risco que devem ser observados, que podem levar ao aumento dos efeitos sistêmicos da droga, como:

  • Duração da exposição
  • Formulação e Potência e de esteroide tópico
  • Utilização sob forma oclusiva na pele
  • Elevação da hidratação do estrato córneo
  • Utilização  em uma área de grande extensão
  • Aplicação em partes lesadas da pele ou em condições em que as barreiras cutâneas possam estar comprometidas
  • Crianças e bebês, em comparação com pacientes adultos, costumam absorver quantidades proporcionalmente maiores de corticosteroides tópicos, por isso tornam-se mais suscetíveis aos efeitos adversos sistêmicos. Tal fato acontece devido às crianças e aos bebês terem uma barreira dermatológica ainda não totalmente desenvolvida e uma área mais extensa da  superfície da pele em relação ao peso corporal, na comparação com os pacientes adultos
  • Uso em áreas de pele fina, como a face

Superdosagem do Propionato de Clobetasol

A superdosagem com o propionato de clobetasol é bastante improvável de ocorrer. No entanto, caso seja aplicada quantidades excessivas do creme ou a medicação seja usada por um longo período ou, ainda, a medicação seja usada de maneira imprópria, pode ocorrer Síndrome de Cushing.

Nesses casos de superdosagem, recomenda-se parar gradualmente o uso do creme, reduzindo as aplicações. Indica-se também consultar o médico.

Mais informações sobre uma possível superdosagem com a droga podem ser obtidas pelo número do telefone 0800 722 6001 (Ligação gratuita para todo o país)

Interação do Propionato de Clobetasol com outros remédios

Propionato de Clobetasol possui poucas interações com outros remédios. Porém, não está indicado o uso concomitante com medicamentos que possam reduzir o citocromo CYP3A4, como o ritonavir e o itraconazol. Isso porque a interação pode reduzir o metabolismo dos corticosteroides. Isso eleva a exposição sistêmica.

Tal interação está relacionada à dose e à forma de administração dos corticosteroides, além da potência do inibidor CYP3A4.

Armazenamento

Propionato de Clobetasol deve ser guardado em sua embalagem original, sempre bem fechada após o uso. Isso para que a medicação não sofra alterações em suas propriedades.

Recomenda-se também manter o creme longe da luz solar direta e de ambientes úmidos. Manter o Propionato de Clobetasol em locais com temperaturas ambiente, de 15 º C a 30 º C.

Propionato de Clobetasol Valor

A bisnaga de Propionato de Clobetasol, contendo 30 mg do produto custa cerca de R$ 15,00. Esse valor, porém, pode apresentar alteração, de acordo com o estabelecimento que comercializa o produto.

Para comprar Propionato de Clobetasol não são necessárias a apresentação nem a retenção da receita médica. No entanto, a automedicação com Propionato de Clobetasol é totalmente desaconselhável, pois pode trazer danos a sua saúde.

Pergunta dos leitores

Propionato de Clobetasol serve para espinhas?

O Propionato de Clobetasol não serve para espinhas. Pelo contrário, o uso do medicamento pode ocasionar acne em algumas pessoas.

Propionato de Clobetasol clareia a pele?

Não, as indicações de uso do Propionato de Clobetasol não incluem o clareamento da pele.

Propionato de Clobetasol é indicado para Melasma?

Não. Este medicamento não está indicado para o tratamento do melasma.

Existe Propionato de Clobetasol como shampoo?

Sim, existe medicações em forma de shampoo, onde o propionato de clobetasol é um dos componentes. Esses shampoos estão indicados para tratar casos moderados e graves de psoríase e outras doenças no couro cabeludo.